COVID-19: Novo pico pode infectar 65 milhões de pessoas por semana na China

O especialista em doenças respiratórias Zhong Nanshan, da China, revelou que as autoridades preveem um pico da nova variante de Covid-19, que pode atingir 65 milhões de pessoas por semana no país.

De acordo com essa previsão, espera-se que o novo pico ocorra em cerca de um mês, no final de junho. Essa nova onda de infecções, que já era esperada de acordo com Zhong, teve início em abril.

O Centro de Controle e Prevenção da China detectou o primeiro caso da subvariante XBB.1.5 há cerca de três meses, e outras, como XBB.1.9.1 e XBB.1.16, foram identificadas em abril.

Este ano, tanto a XBB.1.5 quanto a XBB.1.16 foram classificadas como “variantes de interesse” pelo Centro.

No Brasil, o primeiro caso dessa subvariante da Covid-19 foi identificado no interior de São Paulo, no mês de janeiro, mas não houve um impacto significativo nos meses seguintes.

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom, fez um alerta nesta semana para a possibilidade de um novo surto ainda mais mortal que a covid-19. “Permanece a ameaça do surgimento de outra variante da covid-19 que cause novos surtos de doenças e mortes. E a ameaça de outro patógeno emergente com potencial ainda mais mortal permanece”, disse ele durante a 76ª Assembleia Mundial de Saúde (AMS), que começou no dia 21 e vai até 30 de maio.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x