Deputado Rodrigo Lago participa de lançamento do Plano Safra da Agricultura Familiar

Solenidade ocorreu em São Luís, com presença do governador Carlos Brandão e do ministro do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar, Paulo Teixeira

Nesta sexta-feira (27), o deputado Rodrigo Lago (PCdoB), primeiro vice-presidente da Assembleia Legislativa, participou do lançamento do Plano Safra da Agricultura Familiar e do pacote de ações para produtores rurais. A solenidade foi realizada em São Luís, com presença do governador Carlos Brandão (PSB) e do ministro do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar, Paulo Teixeira.

Com o Plano Safra serão investidos mais de R$ 70 bilhões em políticas públicas para aumentar a produção sustentável e a oferta de alimento, ampliar a capacidade produtiva da agricultura familiar com acesso a maquinários adequados, desconcentrar o crédito rural, promover a inclusão produtiva, dentre outras medidas.

Para o deputado Rodrigo Lago, que já foi secretário de Estado da Agricultura Familiar durante a gestão do ex-governador Flávio Dino, a ação demonstra o olhar diferenciado do governo federal para os produtores rurais.

“Ações como o Plano Safra mostram que o Brasil e os brasileiros voltaram a ser prioridade pelo governo federal”, afirmou Lago. “Um investimento bilionário na agricultura familiar é o que trará melhores condições de trabalho e mais dignidade a essa parcela da sociedade que tanto precisa e merece um tratamento especial”, completou.

A solenidade também contou com o anúncio de um pacote de ações do Governo do Estado para os produtores rurais. As ações incluem a entrega de títulos de propriedade; reconhecimento de comunidades quilombolas; entrega de casas para produtores no município de Água Doce; entrega de escrituras públicas de propriedades a beneficiários do Crédito Fundiário; lançamento da campanha de adesão ao Sistema de Informação Regional da Agricultura Familiar (Siraf).

Também foram anunciadas a Feira Maranhense da Agricultura Familiar (Fenaf), o Programa de Aquisição de Alimentos Indígenas (PAA Indígena) e investimentos no Programa de Compras da Agricultura Familiar (Procaf).

 

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x