AL

ORÇAMENTO PARTICIPATIVO: Mostrando respeito aos luminenses, Paula Azevedo é a única prefeita da Grande Ilha presente na AL

Nesta terça-feira(27), o município de Paço do Lumiar, na Região Metropolitana, esteve muito bem representado na 1ª reunião do Orçamento Participativo (OP) 2023, que é um mecanismo direto de participação popular, realizada no auditório Fernando Falcão, na Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão (Alema), em São Luís.

Ciente da envergadura do evento, já que é através do OP que à população debate e decide sobre o orçamento e as políticas públicas, bem como faz o levantamento das necessidades de seu setor para discutir as prioridades de acordo com o recurso, com a própria prefeita Paula Azevedo(PCdoB) à frente, única gestora da Grande Ilha a participar, uma comitiva esteve representado o município.

“Aqui definimos nossas prioridades, por isso a importância gigantesca de participarmos pessoalmente. Através desse mecanismo, enquanto Poder Público, apresentamos o que queremos para os munícipes. Espero que o Governo do Maranhão tenha oportunidade e condições de apreciá-las”, disse a prefeita, que foi ovacionada ao ser anunciada pelo cerimonial.

A secretária Municipal de Desenvolvimento Social Suely Abreu integrou a comitiva e ressaltou o significado do Orçamento Participativo para o funcionamento da máquina pública.
“Participamos dessas plenárias desde 2015, mas diferente de outrora, este ano fizemos questão de trazer uma caravana para defender as nossas propostas, já que somos nós que estamos na ponta, digo, no dia a dia da comunidade e sabemos a realidade, então nada mais justo que também possamos apresentar e elencar o que queremos”, falou a secretária.

Organizado pelo Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado do Planejamento e Orçamento (SEPLAN) e Secretaria de Estado dos Direitos Humanos e Participação Popular (SEDIHPOP), a OP 2023 será composta de 32 reuniões em pontos distintos do Estado para apresentação, discussão e apreciação das demandas.

As escutas acontecerão em 32 municípios-sede, no período de 04 de julho à 1º de agosto. São eles: Barreirinhas, Balsas, São João Dos Patos, Barra do Corda, Araioses, São Raimundo das Mangabeiras, Colinas, Presidente Dutra, Dom Pedro, Codó, Lago da Pedra, Timon, Pedreiras, Bacabal, Urbano Santos, Bequimão, Caxias, Zé Doca, Carutapera, Açailândia, São Bento, Santa Inês, Governador Nunes Freire, Estreito, Viana, Arari, Itapecuru-Mirim, Grajaú, Cururupu, Rosário e Imperatriz, cidade onde será realizado o encerramento do OP 2023.

“Essa realização é de grande relevância, já que assegura maior transparência sobre o processo orçamentário e, também, permiti a possibildade dos cidadãos se tornarem mais conscientes e passarem a exigir melhor funcionamento da gestão municipal”, finalizou a prefeita.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x